Agendas Temáticas de Investigação e Inovação

por Susana Lucas
2 comentários

Sendo subscritora da newsletter da Agência Nacional de Inovação tive conhecimento onde é efetuado um desafio / convite para participar num questionário em diversas áreas temáticas, destacando as de meu interesse, mesmo considerando que todos são de extrema relevância para uma estratégia de desenvolvimento para Portugal, assim:

  • Agroalimentar, Florestas e Biodiversidade
  • Arquitetura Portuguesa
  • Ciência Urbana e Cidades para o Futuro
  • Cultura e Património Cultural
  • Economia Circular
  • Espaço 
  • Inclusão Social e Cidadania
  • Indústria e Manufatura
  • Mar
  • Saúde, Investigação Clínica e de Translação
  • Sistemas Ciberfísicos e formas avançadas de Computação e Comunicação
  • Sistemas Sustentáveis de Energia
  • Trabalho, Robotização e Qualificação de Emprego em Portugal
  • Turismo, Hospitalidade e Gestão do Lazer

E lá fui eu para o link do questionário.

A primeira questão que podia ser melhorada é permitir que numa participação seja possível efetuar para diversos temas, ao contrário de se ter que efetuar separadamente. No meu caso até considero que os temas têm diversos pontos em comum e como podem ser relevantes a sua compatibilização.

  • Indique os principais desafios para a investigação e inovação neste tema e que possam ser considerados como oportunidades futuras para o país, no campo científico, social ou económico.
  • Quais considera serem os principais progressos observados a nível internacional e em Portugal nos passados 10 anos, neste tema?
  • Quais considera serem as principais questões de investigação e inovação no futuro (até 2030) resultantes dos desafios e oportunidades que enunciou no ponto I?
  • Indique os principais fatores suscetíveis de condicionar a concretização da visão global e dos desenvolvimentos futuros que identificou, que devem ser ponderados para a melhor operacionalização da agenda.

 

Comecei pelos Sistemas Sustentáveis de Energia. De uma forma sistematizada o que considerei mais relevante é existir uma investigação efetivamente colaborativa entre diversas áreas de conhecimento, instituições científicas e empresas. Que o conceito de energia seja abrangente à utilização de recursos e que se comece por analisar a eficiência do uso dos mesmos. A descentralização da produção/utilização/destino final dos recursos.

Em seguida a Arquitetura Portuguesa. De uma forma geral o que considero é que devemos ter uma arquitetura sustentável e identificada como o local, uma Arquitetura Bioclimática. Temos exemplos em muitos países da Europa que existe uma tipologia de arquitetura em determinados espaços, urbanos ou não.

Depois passei para a Ciência Urbana e Cidades do Futuro. É uma situação que em termos socais tem que ser considerada, dada a falta de ligação dos cidadãos às cidades. As cidades não devem crescer de forma descontrolada, sem um planeamento e estratégias sustentáveis, para permitir uma qualidade de vida e potenciar a ligação às mesmas dos cidadãos.

Por fim a Economia Circular, que é um dos temas mais abrangente e que no meu ver liga os anteriores, bem como outros em que não opinei. Considero que pode ser o maior desafio e o mais abrangente mas Portugal sendo um país pequeno pode ser uma vantagem para a envolvência de todos os intervenientes.

Assim desafio toda a Boa Gente a efetuar o seu contributo, mesmo que seja apenas em um tema, pois com um bocadinho de cada um de nós podemos ter melhores ideias e é sempre bom contribuir! Fica o desafio!

Deixa um comentário

* Ao submeter este formulário, concordo com o armazenamento destes dados, para este efeito, por este website.

2 comentários

Avatar
Pamela Woollard 3 de Agosto, 2017 - 9:42

It?¦s really a nice and helpful piece of information. I am happy that you simply shared this helpful info with us. Please keep us informed like this. Thank you for sharing.

Responder
Avatar
Susana 5 de Agosto, 2017 - 2:45

Hello there! Thank you very much for the kind and encouraging comment.

Responder

Artigos Relacionados

Este website utiliza cookies para melhorar a tua experiência de navegação. Ok Ler Mais