Psicologia Ambiental

por Susana Lucas
0 comentário

Parece há partida um tema que nada está relacionado com a área da construção, mas muito pelo contrário.

Atualmente a nossa permanência em edifícios chega a ser na ordem dos 80% do nosso tempo diário. Por isso é o nosso atual ambiente comum.

Existem diversos estudos que relacionam a permanência em edifícios com determinados sintomas, como dores de cabeça, sono, ardor no olhos podendo mesmo termos problemas mais graves… como depressões.

Por isso é cada vez mais importante se verificar em que condições estamos a habitar como também nos escritórios. Além das contaminações que estamos expostos existem outras questões que nos podem afetar, como por exemplo falta de luminosidade, falta de renovação de ar, ar fresco, eletromagnetismo e plantas.

Por isso temos que ter atenção como projetamos os espaços, como os mantemos e como se podem alterar para minimizar determinados sintomas.

O que acham?

Deixa um comentário

* Ao submeter este formulário, concordo com o armazenamento destes dados, para este efeito, por este website.

Artigos Relacionados

Este website utiliza cookies para melhorar a tua experiência de navegação. Ok Ler Mais