Tintex – Sustentabilidade ao Serviço da Indústria

por Cristina
0 comentário

No passado dia 17 de abril realizou-se mais um Open Day i4.0, organizado pelo IAPMEI e pela COTEC Portugal. Esta sessão, parte de um ciclo de eventos inseridos no programa Indústria 4.0, teve lugar na Tintex, em Vila Nova de Cerveira.

Porque os bons exemplos devem ser divulgados, este Open Day serviu para divulgar o que de melhor se faz no nosso país ao nível da sustentabilidade na indústria têxtil.

Começando pelo que tantas vezes é negligenciado na indústria portuguesa: a Sustentabilidade Social. Muito para além da aplicação da legislação em vigor, a Tintex penaliza o trabalho infantil e todas as formas de exploração laboral (como a discriminação e a sobrecarga horária), estimula a criatividade e a iniciativa pessoal, promovendo desta forma a motivação profissional, e não apenas a monetária, aplicando a melhoria contínua de forma transversal ao seu negócio.

A preservação do meio ambiente é um fator crucial para a Tintex. A construção de uma ETAR, aliada à utilização de equipamentos de tingimento de última geração e técnicas de enobrecimento mais eficientes, permitiu a otimização na utilização da água, energia elétrica e gás natural, reduzindo a utilização de produtos químicos, o desperdício de água e de lama orgânica nos efluentes. Desta forma, 98% dos materiais da produção são reutilizados ou reciclados. Com a construção de uma central fotovoltaica para autoconsumo de 460kW, a Tintex consegue ainda a redução de, aproximadamente, 400ton de CO2 por ano.

O valor económico da Tintex rege-se, e baseando desta forma a sua produção nos principais vértices de uma economia circular, na utilização dos materiais mais inteligentes e naturalmente disponíveis, na investigação e desenvolvimento das técnicas de tingimento e acabamentos, alcançando mais de 60% de utilização de matéria-prima sustentável em todas as suas coleções, devidamente certificada pelos fornecedores das mesmas ou marcas que os representam. A origem de todos os fios e materiais de produção é assim totalmente transparente.

 

Que outros exemplos de aposta na sustentabilidade da nossa indústria conhecem? Vamos divulgar?

——————————————————/————————————————-

Que excelente desafio Cristina, vamos a isso!

Deixa um comentário

* Ao submeter este formulário, concordo com o armazenamento destes dados, para este efeito, por este website.

Artigos Relacionados

Este website utiliza cookies para melhorar a tua experiência de navegação. Ok Ler Mais