Certificação energética, o que virá por aí?

por Susana Lucas
0 comentário

Já foi em 2016 que tirei uma formação de formação em NZEB, pois seria em 2018, se não me falha a memória que o novo regime de certificação energética ia entrar em vigor. Na altura tínhamos grandes espectativas do que vinha por ai… mas demorou, mas parece que está para ser, finalmente!

Ainda, mesmo para os peritos (que conheço daqueles que fazem isto modo de vida) ainda não está completamente explicito como vai ser…

Espero de todo que tenha uma revisão bem concertada em especial relativamente à nossa construção dita tradicional, tanto em terra como em pedra. É uma pena que este tipo de construção não seja valorizado, sendo mesmo difícil conseguir obter as classificações mínimas.

Devia ser uma base para a nossa construção, demoramos séculos a chegarmos à construção adaptada à zona e com os materiais locais…

Faz-me muita confusão, que – no anterior regime de certificação energética – tinha que se considerar splits para se chegar ao mínimo.

Espero de todo que consigamos verificar que estamos numa época de desenvolvimento que podemos otimizar o nosso tipo de construção com a tecnologia atualmente disponível. Vamos evoluir no presente, perspetivando o futuro, com o nosso passado?

Deixa um comentário

* Ao submeter este formulário, concordo com o armazenamento destes dados, para este efeito, por este website.

Artigos Relacionados

Este website utiliza cookies para melhorar a tua experiência de navegação. Ok Ler Mais