Uruguai tem a primeira escola pública autosustentável

por Susana Lucas
0 comentário

Dizem que as crianças podem absorver todos os nossos comportamentos e atitudes desde “tenra idade”. Por isso é tão importante eles começarem desde logo a vivenciarem as soluções mais sustentáveis para a sua educação e formação.

Por isso este fantástico exemplo no Uruguai, em que sem qualquer aquecimento artificial estando no exterior menos que 8ºC no interior estão na ordem dos 20ºC. Além disso a escola não apresenta qualquer ligação às redes públicas, sendo construída apenas com materiais locais e resíduos.

O projeto é do “guerreiro do lixo” o arquiteto Michael Reynolds, que tive o prazer de conhecer pessoalmente o ano passado no Porto.

A Escola foi pensada para que nenhum resíduo seja descartado ao seu redor, incluindo águas residuais que são tratadas e reutilizadas.

Espero que hoje seja um dia de conseguirmos dar mais um passo para uma realidade próxima em Portugal… novidades em breve!

 

Deixa um comentário

* Ao submeter este formulário, concordo com o armazenamento destes dados, para este efeito, por este website.

Artigos Relacionados

Este website utiliza cookies para melhorar a tua experiência de navegação. Ok Ler Mais